Seguidores

No Mundo com a Gente

No Mundo com a Gente

24 de abr de 2019

5

Morretes - Paraná: o que fazer, onde comer e como chegar.

MORRETES - uma cidade charmosa entre o Litoral e a Serra 70 km de Curitiba. Conhecida pelo famoso barreado - comida típica da região, além de, muitos outros atrativos. Este foi nosso destino no feriadão de Páscoa, e não estava na nossa agenda conhecer Morretes, ainda bem que sempre estamos prontos para conhecer novos lugares.



O que fazer:
Primeiro preciso dizer que é uma cidade com atrativos para todas as idades, o que torna mais divertido o passeio, podendo assim reunir a família e amigos para muita diversão.

O marco zero fica no centro histórico e onde acontece muitas das atrações como barracas que vendem vários produtos desde cachaça de banana até chapéus de palha. 



Ao longo das margens do rio Nhundiaquara casarões imponentes e bem conservados com suas lindas varandas nos transportam para uma paisagem pitoresca. Muitas pessoas aproveitam para relaxar á sombra das árvores ou praticar algum esporte aquático ao longo do rio que corta a cidade.

 Muitas lojas de artesanatos estão no marco zero, com muita opção de produtos regionais. Mas não deixe de apreciar a arquitetura, que vai além dos casarões. As ruas em sua maioria são de paralelepípido e a ponte de ferro, indicando que por ali já foi passagem de trem - hoje apenas para pedestres e carros.

Muitas pessoas aproveitam e entram no rio para se refrescar, andar de caiaque ou de bóia.

Onde comer:
Ainda ao longo do rio, estão instalados restaurantes com verdadeiras delicias gastronômicas. Sugiro escolher um restaurante que tenha vista para o rio e experimente o famoso Barreado - carne cozida por 12 horas na panela de barro e para conservar é misturada uma farofa até ficar parecida com um purê. 

Almoçamos no restaurante Madalozo, cuja parte térrea há uma escada com acesso ao rio, onde é possível enxergar as pedras do rio e caminhar sobre elas. 

Eu recomendo um banho de rio ou faça como eu, tire o calçado e aventure-se - é raso nesta em algumas partes. Cuide ao entrar, pois algumas pedras são escorregadias.

Como chegar:
A estrada da Graciosa liga Curitiba a Morretes  - é um passeio a parte. A Serra do Mar coberta pela Mata Atlântica, as cachoeiras ao longo da estrada sinuosa e os mirantes trazem a certeza de que muita coisa linda esta por vir. De fato, ao chegar em Morretes tudo se confirma.


Muitos turistas preferem ir de trem, dizem ser uma viagem inesquecível. Mas nós fomos de carro e podemos parar em vários trechos para fotografar.

Dica: 
Para quem vai de trem até Morretes, o passeio dura aproximadamente duas horas. Mas para voltar para Curitiba o tempo é bem mais longo e muitos optam por voltar de ônibus.
Informações

Continue lendo ►

30 de jan de 2019

2

Tocantins | O que fazer

  Você é daquelas pessoas que gostam de aventura ou algum lugar para relaxar? Então, precisa conhecer Tocantins! 

O Tocantins é o mais novo estado turístico. As lindas cachoeiras e rios de águas cristalinas, movimentam a economia do estado atraindo milhares de pessoas todos os anos.

 O pantanal e a floresta Amazônia trazem grande diversidade de fauna e flora, além da mudança da temperatura que tem o clima quente e úmido.

A região é riquíssima em atrativos naturais, considerada a maior savana do mundo em biodiversidade. Os rios Tocantins e Araguaia são outro atrativo muito procurado pelos turistas. 

 A matéria- prima capim dourado movimenta a economia da comunidade Mumbuca e virou um artigo de luxo, da qual são confeccionado desde brincos, pulseiras até vasos e chapéus.

Separei algumas dicas de lugares incríveis para você conhecer:

Praia de Luzimangues | Próximo a capital (20,1 km) Luzimangues é boa opção para  diversão com a família. Os vários quiosques montados a beira da praia atendem bem aos visitantes. O pedalinho é diversão garantida para crianças e adultos.
Ao fundo a ponte Fernando Henrique Cardoso

Praia da Graciosa | Apenas 11,5 km da capital, a praia da Graciosa é muito frequentada por turistas e locais. Com boa estrutura, o local conta com bares, quiosques, banheiro público, chuveiros, ciclovia, pista para caminhada, atrações náuticas, além do pôr-do-sol magnífico.
Cerca de proteção contra as piranhas
Praia da Graciosa

Taquaçuru | São 82 cachoeiras  para você se refrescar do calor do Tocantins e fica a pouco mais de trinta quilômetros de Palmas. Vale a pena conhecer!

Jalapão | Para os amantes do ecoturismo e aos que preferem ficar bem longe do agito, o destino é Jalapão. Ainda pouco explorado e difícil acesso, faz deste lugar um dos mais preservados do país. 

E não faltam opções de passeio, como as Dunas do Parque Estadual do Jalapão e suas deslumbrantes paisagens, cachoeiras e fervedouros, além da possibilidade de praticar rafting. 

Dica: para chegar até o Jalapão é necessário um carro com tração nas quatro rodas.

Palmas | Não menos interessante, a capital do estado do Tocantins - Palmas. Totalmente planejada, com largas avenidas, faz lembrar o Distrito Federal, não só por também ter sido planejada mas pelo clima e vegetação.

Praça dos Giraçóis | onde estão localizados os prédios mais importantes da cidade. A sede do governo estadual Palácio do Araguaia e vários outros monumentos.

Museu histórico do Tocantins
Feira do 304 Sul 
Shopping Capim Dourado
Centro Geodésico do Brasil

Dicas: 

- O filtro solar é indispensável 

 - Beba muita água


 - Use o GPS, a cidade tem poucas placas de sinalização.
Continue lendo ►

8 de set de 2018

3

São José do Ribamar - Maranhão



São José do Ribamar é um lugar de paz e tranquilidade, situado a 32km da capital São Luis, no extremo leste da ilha, de frente para a Baía de São José. Um lugar que mistura belas praias, turismo religioso e rica gastronomia.
Um povo orgulhoso de suas tradições, assim como todos os maranhenses. 
Estátua de São José ( 32,5 metros de altura) - Padroeiro da cidade.
O Estado do Maranhão tem lugares imperdíveis, um deles é São José do Ribamar. A cidade encanta por sua beleza e pela gastronomia. Os ribamarenses são religiosos e hospitaleiro. No mês de setembro acontece a maior festa religiosa do Maranhão - comemoração do padroeiro São José do Ribamar.
Igreja de São José do Ribamar


Cais






Continue lendo ►

15 de jul de 2018

3

São Luís do Maranhão - o que fazer, onde comer, onde ficar

São Luís (Maranhão)

Começo este post destacando que existe vários mundos dentro de um Brasil - desculpe o clichê. Pensa você sair do sul do país, atravessar para outra extremidade e encontrar um lugar totalmente diferente do que você esta acostumado. Estou falando do estado do Maranhão.

   As quase 4.000 construções históricas do centro da cidade têm grande influência de portugueses, holandeses, franceses e espanhóis. Foram reconhecidas como Patrimônio Cultural pela Unesco.

As ruas estreitas, casarões antigos, as praças do centro histórico contrastam com os prédios modernos e shoppings em outra parte da cidade.

 Na praia a grande atração fica por parte das marés, ora deixam uma imensa orla de, aparecendo os rochedos sob areia, em horas as mesma estão totalmente cobertas, mostrando o quanto a natureza é bela e assustadora.

O aeroporto é pequeno com algumas opções de lancheria, alguns quiosques de guloseimas e loja de venda de lembrança.

Chegamos em uma das datas mais festivas deste lugar de tanta tradição - era São João!!
Tinha dança, musica, a mulher grávida, o tradicional bumba meu boi e bandeirinhas coloridas, muitas bandeirinhas. A última vez que vi uma festa de São João tão enfeitada e divertida foi em Aracaju.

Foi neste clima alegre e colorido que fomos recebidos no aeroporto, com direito a foto com a turma do teatro. E eu entrei no clima, já o filho e marido fugiram da foto!!

Ficamos hospedado na capital maranhense, e o motivo desta viagem era a participação do meu filho e marido numa competição de maratonas aquáticas que aconteceu em são José do Ribamar - outro lugar que vale a pena conhecer, apenas quarenta e cinco minutos de São Luís.

 Chamou minha atenção para a variedade de comida, são tantas opções que fica difícil escolher.  Algumas com tempero um tanto picante, é melhor conferir antes de fazer o pedido.

Centro Histórico
Palácio dos Leões


Onde comer:

 Cabana do Sol -  o mais famoso restaurante de São Luís. O preço faz jus a comida!


Onde ficar:

Hotel Luzeiros









Continue lendo ►

8 de abr de 2018

4

Praia de Cocanha - Caraguatatuba


Praia da Cocanha - uma das mais belas do litoral de São Paulo.


 A praia da Cocanha é uma das mais belas da cidade de Caraguatatuba. Embora sua orla tenha 1 km de extensão atrai turistas por suas águas calmas e cristalinas, ideal para as crianças. A areia grossa faz massagem aos pés para quem decide caminhar na beira da praia.





Faz parte da paisagem, um ilhote  onde a prática de mergulho e a pesca é uma atividade comum deste local. Mas também muito conhecida por promover a Famosa travessia Prova Natatória Ilha da Cocanha. E pela primeira vez foi realizado o Campeonato Brasileiro de Maratonas Aquáticas 2018- 5km e 10km.





Os vários quiosques e restaurantes são suficientes para abastecer as necessidades das pessoas que chegam para aproveitar o dia. Mas também é comum ver pessoas que trazem de casa suas bebidas e comidas e fazem um divertido pic-nic.



Curiosidade:
A maior fazenda de mexilhões do estado de São Paulo esta localizado na Cocanha. O acesso á fazenda é de barco e organizado  pelo Rancho dos Pescadores.





Dica:
A praia esta rodeada de árvore, e talvez por isso tinha muito mosquito. Foi necessário usar protetor com repelente.

Como chegar:
Rodovia Rio-Santos-São Paulo - 055
(sentido Ubatuba)




Continue lendo ►

31 de mar de 2018

4

Paraty: o que fazer, onde comer e onde ficar.



                                                                        
A bela cidade de Paraty é Patrimônio Histórico Nacional, encanta seus visitantes com suas construções históricas da época  Brasil colônia e pela grande variedade de atrações. Esta localizada apenas 240 km do Rio de Janeiro e a 280 km de São Paulo (de carro).

O centro histórico é um dos diversos atrativos da cidade, em algumas ruas o trânsito de carros é proíbido, sugiro perder-se por suas suntuosas ruas revestidas de pedras "´pé-de-moleque" e você sera transportado para o período colonial (1530-1815) disfrutando ainda mais da cidade.

Como chegar de carro:
Para os motoristas que vão do Rio de Janeiro, o roteiro é pela Rio-Santos(BR-101) e para quem sair de São Paulo, sugiro a Rio-Santos com suas paisagens paradisíacas. Mas tudo depende do seu tempo e disposição para viajar, visto que são várias as alternativas de  trajeto para quem sair de São Paulo.


Dica:  Mas não esqueça que, em muitas partes do caminho existe muita fiscalização eletrônica, fazendo diminuir a velocidade e aumentando o tempo de viagem.


Como chegar de ônibus:
 Outra opção não menos confortável, seria viajar de ônibus pela empresa Costa Verde Transportes. Clique aqui e tenha todos os horários de saídas e chegadas.
                                                                     
O que fazer:
Paraty é daqueles lugares que a gente visita e quer sempre voltar. Em qualquer época do ano a cidade oferece atividade como eventos, comércio, trilha, passeios de barco e grande variedade gastrônomica fazem de Paraty uma cidade ímpar.
                                                                      
Onde ficar:
O que não falta são opções de hospedagem, uma mais charmosa que a outra. Com tanta variedade de pousada e mesmo mais caro a dica é ficar no centro histórico, aproveitar a vida noturna e acordar antes dos turistas chegarem, o que vai lhe render lindas fotos.


Também pode encontrar o seu hotel pelo Booking. com

                                                                    
Onde comer:
Como eu ja havia comentado, comer bem em Paraty é fácil. Toda a cidade oferece excelentes restaurantes. Mas se não quer errar escolha pelo tradicional restaurante "Banana da Terra".
Continue lendo ►

Faça sua reserva de hotel